BLOG

17/08/2021 - Candidatos

Os principais erros cometidos por candidatos a uma vaga

Sempre procuramos agir da melhor forma possível quando estamos em busca de uma oportunidade de emprego: nos preocupamos em atualizar o currículo, criamos uma ótima carta de apresentação, entre outros. Porém, são nos detalhes que podemos cometer erros que prejudicam nossa candidatura e a visão do recrutador sobre nós, mesmo que tenhamos a experiência e as qualificações exigidas.

 

Além de estar bem-informado sobre a melhor forma de proceder, o candidato precisa estar atento àquilo que não se deve fazer durante o processo para não perder a tão esperada chance.

 

De olho nisso, a Authent separou dicas preciosas que precisam estar no radar de quem está no mercado à espera de uma nova oportunidade. Confira!

 

Seja um candidato bem-preparado

 

1 – APRESENTE UM CURRÍCULO ADEQUADO

Um bom currículo deve ser sucinto ao mesmo tempo em que consegue destacar suas principais qualificações. Evite textos extensos ou que não apresentem um objetivo específico. Não é necessário inserir documentos e fotos.

O profissional deve elaborar um currículo que esteja de acordo com os requisitos do cargo. E na hora de fazer uma autoavaliação, deixe de lado características pessoais e foque em falar sobre sua experiência, resultados alcançados e projetos liderados.

 

2 – NÃO COMPARECER À ENTREVISTA

Mesmo que você não tenha mais interesse na vaga para a qual se candidatou – ou tenha algum problema para comparecer – não deixe de comunicar o recrutador. Seja sincero e dê alguma satisfação, pois, ao simplesmente sumir, você ficará com fama de profissional sem comprometimento. Nós não sabemos o dia de amanhã, então, tenha sempre as portas abertas para futuras oportunidades.

 

3 – NÃO MINTA

Um dos piores erros que um candidato pode cometer é mentir no currículo ou na entrevista, aumentando ou valorizando suas qualificações e realizações anteriores. Não se esqueça daquela máxima de que “mentira tem perna curta”: todas as informações que você passar ao recrutador são facilmente verificáveis. Se elas não forem descobertas no próprio currículo, acabarão sendo em dinâmicas de grupos, testes práticos ou em contato com os antigos empregadores. Evite ser taxado de desonesto!

 

4 – ESTEJA MUITO BEM-PREPARADO

Pesquise sobre a empresa, as atividades que ela realiza, sua história e objetivos, posicionamento no mercado, o tipo de profissional que contrata etc. Desta forma, você saberá se apresentar de maneira adequada tanto no currículo, quanto na entrevista.

Com a internet, essa é uma das tarefas mais simples na jornada da busca pelo emprego. Faça conexões entre você (personalidade e habilidades) e a empresa. Junte as informações num arquivo e leia um pouco antes de falar com o recrutador.

 

5 – TENHA UMA POSTURA ADEQUADA

A primeira coisa que pensamos quando falamos em postura adequada é o que vestir durante uma entrevista de emprego. Esteja vestido de acordo com o cargo que pretende ocupar na empresa. Em caso de dúvida, tente visitar a empresa dias antes da entrevista para analisar a forma como os funcionários se apresentam para trabalhar.

Além disso, sente-se adequadamente na cadeira, tenha gestos seguros, mostre sua simpatia e olhe diretamente para o entrevistador para expressar que está falando a verdade. 

Se a entrevista for remota, esteja num local bem iluminado, sem ruídos e com boa conexão de internet. Desligue o celular, esteja longe de comida ou bebida, currículos, ficha de cadastro etc.

 

6 – SAIBA SE COMUNICAR

Tão importante quanto se portar adequadamente é saber se comunicar com clareza, vocabulário adequado, frases elaboradas e precisas. Tudo isso ajuda a causar uma boa impressão. 

Mantenha o equilíbrio, ou seja, não fale pouco e muito menos sem parar. O entrevistador não precisa conhecer sua história de vida. Prefira respostas curtas e objetivas, sempre focando nas perguntas feitas e enfatizando suas qualidades em relação ao cargo pretendido. Evite respostas vagas e aquelas que qualquer outro candidato daria.

 

7 – NÃO FALE MAL DO EMPREGADOR ANTERIOR

Tenha cuidado quando se referir ao seu emprego anterior, pois isso pode soar mal. Afinal, ninguém quer contratar alguém que, ao sair de uma empresa, não é discreto ao falar sobre antigos colegas, empregadores e gestores. Tente transformar conflitos e percalços anteriores em coisas positivas que possam ser valorizadas pelos recrutadores.

Post relacionados

17/05/2022 - Recrutadores

O que você pretende com essa contratação? Como o produto ou serviço pode ajudar os colaboradores e a empresa, como um todo, a se desenvolver?

09/05/2022 - Recrutadores

Na hora de preencher uma nova vaga na organização, a possibilidade de recontratar um ex-colaborador se torna uma boa opção por diversos motivos: o fato de já conhecer o clima organizacional e a cultura da empresa e saber quais são os objetivos do negócio torna a reintegração mais simples.

03/05/2022 - Recrutadores

Com a pandemia, a revolução digital, que já estávamos vivendo, se intensificou. As relações pessoais, o trabalho, o consumo e o entretenimento acabaram migrando, em grande parte, para o ambiente virtual.

Rua Machado Bittencourt, 205, sala 26
Vila Clementino - São Paulo / SP - CEP: 04044-904

+55 11 5906-7500