BLOG

26/01/2022 - Não categorizado

Como lidar com relações tóxicas no ambiente corporativo

Quem está no mercado de trabalho com certeza já se deparou com profissionais que nutrem relações tóxicas e que acabam drenando a nossa energia, o que deixa um clima pesado no ambiente e prejudica o rendimento da equipe.  Entre os sinais que relevam o perfil tóxico de um colaborador podemos citar:

 

Competitividade acima da média;

Capacidade de opinar de forma depreciativa sobre tudo e todos;

Atitudes constantemente defensivas e agressivas;

Comportamentos desagradáveis, colocando-se sempre em posição superior em relação aos demais;

Tentativa de influenciar outros colaboradores com o objetivo de isolar você e eliminar a concorrência.

 

No ambiente de trabalho, coloque limites ao lidar com colegas tóxicos.

 

Para aprender a lidar melhor com estas relações tóxicas, a Authent separou algumas dicas. Confira!

 

          1. Coloque limites. Antes de dar abertura para uma situação tóxica, pergunte-se: você quer se envolver ou não? Erga barreiras de forma educada e resguarde-se. No primeiro sinal de pessoas intervindo em sua vida profissional, já se posicione, delimitando até onde elas poderão ir. Quanto menos acesso à sua vida pessoal, melhor, porque o colega tóxico acaba perdendo o interesse em você. 

 

          2. Divida o peso. Caso esteja vivenciando muitos conflitos no trabalho, não deixe de falar com alguém para ter um ponto de vista diferente sobre o assunto e descarregar o estresse. Um terapeuta, um companheiro(a) ou até um bom amigo podem ser grandes ouvintes.

 

          3. Procure o diálogo ou um intermediário. Se o comportamento do colega afeta seu desempenho profissional, tente conversar com ele de forma calma e procurar uma solução conjunta. Se não houver diálogo, busque algum gerente ou supervisor que possa interferir positivamente.

 

          4. Aprimore sua inteligência emocional. Tente entender as motivações da outra pessoa para saber como se posicionar. Seja racional e analise a situação para não reagir de forma exagerada ou levar para o lado pessoal para que não retribua na mesma moeda. Tenha em mente que você quer a solução e não fazer parte do problema. Por isso, mantenha sempre o foco em apreender e crescer. Quanto mais você se conhece e compreende os estilos de comportamento das outras pessoas, mais assertivas ficam as suas interações com um time heterogêneo.

 

          5. Pense em outra perspectiva. Existem coisas fora de sua “jurisdição” que você não é capaz de controlar. Então, se esforce para não ser contaminado por comentários maldosos. Exercite a introspecção e filtre os fatos para ter uma abordagem mais equilibrada e não se deixar levar pelo comportamento negativo dos outros.

 

          6. Tóxica ou apenas difícil? A diferença entre os dois perfis é que o primeiro quer o seu mal, enquanto o segundo só quer ficam em paz. Ou seja, o colaborador pode ter um comportamento difícil por estar protegendo seu território ou preso a uma maneira específica de raciocínio. Caso sua dificuldade em trabalhar com certas pessoas seja apenas uma questão de estilo, experimente novas formas de lidar com as situações e busque uma relação de trabalho mais produtiva.

 

Funcionários tóxicos podem espalhar a negatividade pela organização, por meio de sentimentos, como raiva, medo, desconfiança, vergonha, mágoa e abandono. Porém, cuidado para não rotular e criar estereótipos que atrapalhem ainda mais a situação. Tente compreender a raiz do problema e o que desencadeia a postura daquela pessoa e elabore uma estratégia para estabelecer um relacionamento o mais positivo possível com ela.

Post relacionados

17/05/2022 - Recrutadores

O que você pretende com essa contratação? Como o produto ou serviço pode ajudar os colaboradores e a empresa, como um todo, a se desenvolver?

09/05/2022 - Recrutadores

Na hora de preencher uma nova vaga na organização, a possibilidade de recontratar um ex-colaborador se torna uma boa opção por diversos motivos: o fato de já conhecer o clima organizacional e a cultura da empresa e saber quais são os objetivos do negócio torna a reintegração mais simples.

03/05/2022 - Recrutadores

Com a pandemia, a revolução digital, que já estávamos vivendo, se intensificou. As relações pessoais, o trabalho, o consumo e o entretenimento acabaram migrando, em grande parte, para o ambiente virtual.

Rua Machado Bittencourt, 205, sala 26
Vila Clementino - São Paulo / SP - CEP: 04044-904

+55 11 5906-7500